Deprecated: mysql_connect(): The mysql extension is deprecated and will be removed in the future: use mysqli or PDO instead in /nfs/c04/h02/mnt/183516/domains/ctviva.com.br/html/vendor/util/conn.php on line 2
Reservado anonimato | Clínica Viva

R

Reservado anonimato

Apenas sou mais um cara que se perdeu nas drogas. Tenho 31 anos, comecei a usar drogas com 17 anos. Comecei fumando maconha, ia para salões de dança com pessoas que fumavam e comecei a dar um “peguinha” aqui, outro ali, e quando eu vi já estava fumando direto. Esse foi o primeiro passo, depois experimentei a cocaína. Cheirei uma vez e me deu aquela euforia e gostei, e sempre que tinha dinheiro ou algum \\\\\\\\\\\\\\\"colega\\\\\\\\\\\\\\\" que colocava pra cheirar, eu cheirava. Mas não era ainda a minha droga de preferência. Foi quando conheci o crack: fumei o meu primeiro mesclado, deu aquela sensação legal, mas que logo passa, e você quer mais, sempre mais e nunca esta satisfeito. Daí pra frente tudo começou a dar errado.

Eu tinha uma moto que meu pai tinha me dado para trabalhar, trabalhei certo tempo, depois parei. A droga não me deixava ir pra frente e comecei a fazer \\\\\\\\\\\\\\\"rolo\\\\\\\\\\\\\\\" com a moto, trocava e dali a pouco já fazia outra troca errada. O crack vinha acabando comigo, já tinha parado de estudar, já não ligava pra nada, arrumava um serviço, trabalhava um pouco já saia. Fazia algum curso e não terminava, nada dava certo: estava magro, acabado, feio, andando de qualquer jeito, vendendo as minhas coisas, acabando com tudo, com dívidas e mais dívidas, acabando com o patrimônio da minha família (que é meu também), e que mais tarde irá me fazer falta.

Tudo que é de ruim eu fiz. Meus pais ficando mal, já estavam perdendo a alegria de viver de tanto problema que eu trazia para eles. Já não obedecia mais o que eles falavam, não dava ouvidos, mesmo tendo sido eles a me livrar da morte por muitas vezes. Em casa também nada dava certo, só brigas com minha esposa, sendo que tenho uma filhinha de 2 anos e 3 meses, e ela vendo tudo isso acontecendo. Já não agüentava mais!

Quando um dia estava em casa dormindo por volta das 4h30 da madrugada e escutei minha mãe chamando, acordei assustado, pensei que tinha acontecido alguma coisa e atendi a porta. Ela entrou com o meu pai e perguntei se tinha acontecido alguma coisa, e minha mãe disse que nós íamos viajar, e quando perguntei para onde, entraram dois rapazes fortes e disseram:”você vai com a gente”. Eles eram do resgate da clínica e tornei a perguntar: \\\\\\\\\\\\\\\"vamos onde?\\\\\\\\\\\\\\\". E minha mãe falou: “eu vou te internar”. Na hora quis tentar reagir para não ir. É claro que minha primeira reação seria essa porque não esperava por isso, mas depois vi o bem que minha mãe estava me proporcionando, e que era para o meu bem. Fui com eles. Só me despedi da minha esposa, que ficou assustada com tudo, e da minha filhinha, e fui para a clínica. Até ensinei o caminho para os rapazes do resgate, que são ótimas pessoas.

Cheguei na clínica em Vargem Grande Paulista, o Centro Paulista de Recuperação, que salvou a minha vida. Lá tive todo o apoio necessário, com psicóloga, terapeuta, enfermeiros e boas amizades que lá fiz também; palestras, aulas de artesanato que me tornaram outra pessoa. Lá pude ver todos os males que a droga causa para a saúde, coisa que na rua, na ativa, eu não enxergava porque eu estava fora da realidade. Agora eu estou muito bem, estou em casa após o término do tratamento. Faço o acompanhamento fora da clínica para me dar um suporte para ficar bem.

As coisas andam bem, minha família mudou comigo, minha esposa também, agora posso curtir minha filha, estou fazendo artesanato, coisa que aprendi na clínica. Com isso ganho um dinheirinho, sou um novo homem, estou resgatando minha dignidade, meu caráter, honestidade, para ser o que eu era há muito tempo atrás. Demorei 31 anos para acordar para a vida. Quem sabe você, que esta lendo esse pequeno depoimento que estou dando, possa acordar antes e possa começar também a ver a vida como ela é.

Estar sóbrio dentro da realidade é a melhor coisa que existe. Nunca é tarde: não importa, seja você quem for, pobre ou rico, negro ou branco, se você quiser se livrar desse mal que aflige muitas pessoas de todas as classes nesse mundo inteiro, seja forte, vá em frente que você consegue! E nunca desista se você tiver um sonho! lute, porque você irá conseguir realizá-lo!

Nunca olhe para trás, que você vai ser um vencedor, e será muito feliz em sua nova vida e na sua caminhada. Isso é o que eu desejo para todos que estão em busca de sua melhora.

Um abraço e boa sorte para todos que puderam ler e ver um pouco da minha história. Nunca desista!

Termos de Uso e Política de Privacidade - Grupo Viva | Clínica Terapêutica Viva © - Todos os direitos reservados